Noticias e Eventos

NVIDIA avança na revolução da computação de IA com os novos sistemas DGX baseados em Volta

 
 

O DGX-1 potencializado com o Volta oferece melhoria de até 3x na velocidade para cargas de trabalho exigentes de IA; a estação do DGX é o primeiro supercomputador pessoal do mundo com AI

A NVIDIA anuncia uma nova linha de supercomputadores de IA NVIDIA® DGX com um desempenho computacional incomparável para fazer avançar a pesquisa de IA mais desafiadora do mundo.

Com GPUs de data center NVIDIA Tesla® V100 baseadas na arquitetura NVIDIA Volta™ e um pacote de software de AI totalmente otimizado, os sistemas fornecem um poder de computação inovador de IA três vezes mais rápido do que o DGX da geração anterior, proporcionando o desempenho de até 800 CPUs em um único sistema.

O portfólio do DGX baseado na arquitetura da NVIDIA Volta inclui o supercomputador de AI NVIDIA DGX-1™ para implementações de data centers e uma nova estação de supercomputação pessoal, a NVIDIA DGX Station™.

Ambos os sistemas se beneficiam da NVIDIA GPU Cloud Deep Learning Stack integrada entregue com base na recém-lançada NVIDIA GPU Cloud.

"O portfólio de DGX da NVIDIA e seus produtos de software são os instrumentos essenciais para o avanço do trabalho de pesquisa séria de IA e para a realização da promessa desta nova era de computação", disse Jim McHugh, gerente-geral de computação DGX na NVIDIA. "Nenhum outro sistema de computação consegue fornecer o mesmo nível de desempenho para IA e análises avançadas."

A NVIDIA GPU Cloud Deep Learning Stack integra as estruturas mais recentes de aprendizado profundo e o kit de desenvolvimento de software da NVIDIA em um contêiner sempre atualizado. Os clientes do DGX podem ligar e começar imediatamente com o mais recente software de aprendizado profundo para treinamento, inferência e outras cargas de trabalho de computação de AI — economizando semanas e centenas de milhares de dólares em esforços de integração e engenharia.

Usando uma pilha de software consistente em todo o portfólio, os cientistas de dados podem facilmente experimentar o deskside em sua DGX Station pessoal e escalar seu trabalho em um cluster de servidor DGX-1.

Introduzidos no ano passado, os sistemas DGX-1 agora oferecem uma ampla gama de implementações de AI em empresas líderes, provedores de serviços em nuvem e organizações de pesquisa em todo o mundo. O novo supercomputador DGX-1 baseado em Volta oferece a capacidade de computação de 800 CPUs em um único e pequeno espaço de servidor.

Maior desempenho de aprendizado profundo em um supercomputador pessoal

A nova NVIDIA DGX Station é o primeiro supercomputador pessoal do mundo para desenvolvimento de IA, com a capacidade de computação de 400 CPUs, consumindo quase 40x menos energia, em um fator forma que se encaixa perfeitamente ao deskside.

Projetada para proporcionar desempenho máximo e conforto de deskside, a DGX Station é a estação de trabalho mais silenciosa do mundo, apresentando um décimo do ruído de outras estações de trabalho de aprendizado profundo. Os cientistas de dados podem usá-la para a exploração de AI com carga intensa de computação, incluindo treinamento de redes neurais profundas, inferência e análise avançada.

Uma plataforma para aprendizado profundo e inferência

A NVIDIA projeta seu portfólio de sistemas DGX para oferecer versatilidade extrema com uma arquitetura capaz de fornecer treinamento e inferência em aprendizado profundo.

O DGX-1 e a DGX Station podem executar vários trabalhos simultaneamente com alocação flexível de recursos de GPU, permitindo que as organizações atendam às demandas de projetos desafiadores de aprendizado profundo, incluindo treinamento e inferência. Os sistemas DGX garantem que uma equipe de cientistas de dados possa experimentar continuamente e obter percepções com desempenho ideal.

Disponibilidade e especificações técnicas do sistema DGX baseado em Volta

Os servidores DGX-1 e a DGX Station baseados em Volta já estão disponíveis e previstos para serem lançados no terceiro trimestre. Mais informações, incluindo preços, especificações técnicas detalhadas e formulários de pedido, estão disponíveis em www.nvidia.com/dgx-1 e www.nvidia.com/dgx-station.

Recursos:

Especificações do DGX-1:

Especificações da DGX Station:

Vídeo do portfólio do DGX:

Vídeo faça-você-mesmo do DGX:

Sobre a NVIDIA

A invenção da GPU pela  NVIDIA (NASDAQ: NVDA) em 1999 provocou o crescimento do mercado de jogos para PCs, redefiniu a computação gráfica moderna e revolucionou a computação paralela. Mais recentemente, a aprendizagem profunda via GPU abriu caminho para a AI moderna – a próxima era da computação – com a GPU atuando como o cérebro dos computadores, robôs e carros autônomos que percebem e entendem o mundo. Mais informações em http://www.nvidia.com.br/page/home.html.

Acesse também:

Site oficial da NVIDIA no Brasil: www.nvidia.com.br

NVIDIA no Facebook:@NVIDIABrasil

NVIDIA no Twitter: @nvidiabrasil

NVIDIA no Instagram: @nvidiabrasil

Informações para a Imprensa:

Sing Comunicação de Resultados

André Forte, Janaína Leme, Tatiane Dantas, Vânia Gracio e Melissa Sayon

nvidia@singcomunica.com.br

(11) 5091-7838

 
 
 
 
TwitterFacebookLinkedInGoogle+Reddit