Noticias e Eventos

Plataformas NVIDIA VR aprimoram a performance para a realidade virtual

 
 
Kits de desenvolvimento dos softwares GameWorks VR e DesignWorks VR foram lançados oficialmente; nova tecnologia de sombreamento de múltiplas resoluções aumentam performance em até 50%

Desde explorar o Monte Everest na segurança da sua casa a desenhar o próximo automóvel ou avião e assistir a um evento esportivo na perspectiva dos treinadores e atletas, a realidade virtual promete mudar radicalmente a forma como experimentamos a vida cotidiana.

Mas fornecer a tecnologia VR é um desafio complexo, especialmente porque a VR imersiva requer 7x¹ mais potência de processamento gráfico em comparação aos aplicativos e games 3D tradicionais. Para resolver esse problema, a NVIDIA lança oficialmente a versão 1.0 de dois poderosos kits de desenvolvimento de software (SDKs) para VR: o NVIDIA GameWorks VR e NVIDIA DesignWorks VR.

Quando usados em conjunto com as GPUs GeForce e Quadro, esses SDKs oferecem aos desenvolvedores as ferramentas para criar experiências incríveis em VR, aumentar a performance, reduzir a latência, melhorar a compatibilidade dos hardwares e acelerar a transmissão de vídeo em 360o.

Esses dois SDKs fornecem um conjunto abrangente de APIs e bibliotecas para desenvolvedores de aplicativos e headsets, incluindo nova tecnologia de sombreamento de múltiplas resoluções da NVIDIA². Disponível ao público pela primeira vez, o sombreamento de múltiplas resoluções é uma técnica inovadora de renderização que aumenta a performance em até 50%, sem perder qualidade de imagem. Os lançamentos do SDK 1.0 também oferecem suporte ao Windows 10.

GameWorks VR
Para os desenvolvedores de games e aplicativos, o GameWorks VR SDK inclui:

  • Sombreamento de múltiplas resoluções—uma técnica inovadora de renderização para VR em que cada parte de uma imagem é renderizada com a resolução que tem melhor correspondência com a densidade de pixels da imagem deformada necessária pelo headset. Essa técnica usa o recurso de multiprojeção da arquitetura de chip NVIDIA Maxwell™ para renderizar viewports de várias resoluções de uma só vez, proporcionando melhorias significativas de performance.
  • VR SLI—oferece maior performance para aplicativos de VR, sendo possível atribuir um olho específico para várias GPUs a fim de acelerar drasticamente a renderização estéreo.

O GameWorks VR já está sendo integrado aos principais motores gráficos de games. A Epic Games anunciou suporte aos recursos de sombreamento de múltiplas resoluções e VR SLI do GameWorks VR em uma próxima versão de seu popular Unreal Engine 4³.

O GameWorks VR fornece também recursos específicos para os desenvolvedores de headset VR, incluindo:

  • Prioridade de contexto—oferece controle sobre a programação da GPU para dar suporte a recursos avançados de VR, como a distorção de tempo assíncrona, que elimina a latência e ajusta rapidamente as imagens conforme os gamers movem a cabeça, sem a necessidade de renderizar novamente o quadro de animação.
  • Modo direto—trata headsets VR como monitores montados na cabeça que podem ser acessados apenas por aplicativos de VR, em vez de um monitor Windows típico, oferecendo melhor suporte a plug-and-play e compatibilidade para headsets VR.
  • Renderização de buffer frontal—permite que a GPU faça a renderização diretamente no buffer frontal para reduzir a latência.

DesignWorks VR
Para os desenvolvedores de aplicativos de VR profissionais em mercados como manufatura, mídia e entretenimento, petróleo e gás, além de imagens médicas, o NVIDIA DesignWorks VR foi projetado com base no principal GameWorks VR SDK com a adição de poderosas ferramentas, como:

  • Estabilização e integração—novas APIs que fornecem ajustes de intensidade e correções de geometria independente de aplicativos em todos os desktops para criar ambientes VR CAVE perfeitos, sem a presença de qualquer latência.
  • Sincronização—técnicas para evitar imagens picotadas e desalinhadas ao se criar um desktop grande que é controlado a partir de várias GPUs ou clusters. Diversas tecnologias, como Frame Lock, Stereo Lock, Swap Groups e Swap Barriers, estão disponíveis para ajudar os desenvolvedores a projetar ambientes de cluster e VR CAVE expansivos e contínuos.
  • Afinidade de GPU—fornece melhorias significativas da performance ao gerenciar o posicionamento das cargas de trabalho gráficas e de renderização em várias GPUs.
  • Direct for Video—permite ambientes de realidade aumentada e VR, tais como monitores montados na cabeça, CAVES/monitores imersivos e soluções de cluster.

Os desenvolvedores de VR podem fazer download do GameWorks VR SDK em https://developer.nvidia.com/gameworksVR. A versão atualizada do DesignWorks VR pode ser acessada ao se inscrever em https://developer.nvidia.com/designworks-vr.
(¹) Uma renderização de game para computador de 1920x1080 a 30 qps em um único monitor em comparação a uma renderização de headseat VR de 1680x1512 a 90 qps em cada um de dois monitores. http://blogs.nvidia.com/blog/2015/11/09/gameworks-vr-unreal-engine-4-ue4/
(²) No VRX 2015, Epic Games conseguiu um aumento de 50% da performance na demonstração do Reflections Subway baseado em UE4 ao aplicar o sombreamento de múltiplas resoluções da NVIDIA. http://blogs.nvidia.com/wp-content/uploads/2015/11/VRX-Keynote-Final3_Page_12.png
(³) http://blogs.nvidia.com/blog/2015/11/09/gameworks-vr-unreal-engine-4-ue4/

Sobre a NVIDIA
Desde 1993, a NVIDIA (NASDAQ: NVDA) foi pioneira na arte e ciência da computação visual. As tecnologias da companhia estão transformando um mundo de telas em um mundo interativo de descobertas para todos, de jogadores a cientistas, de consumidores aos clientes corporativos.

Acesse também:
Site oficial da NVIDIA no Brasil: www.nvidia.com.br
NVIDIA no Facebook: NVIDIA Brasil
NVIDIA no Twitter: @nvidiabrasil
NVIDIA no Instagram: @nvidiabrasil

Informações para a Imprensa:
Sing Comunicação de Resultados
André Forte, Janaína Leme, Tatiane Dantas, Vânia Gracio e Melissa Sayon
nvidia@singcomunica.com.br



 
 
TwitterFacebookLinkedInGoogle+Reddit